Logo Imagem Tempo

Cinema: Veredas – Os filmes a partir de João Guimarães Rosa

mostra de cinema | 2008

Veredas são caminhos, trilhas. Veredas são também as regiões úmidas, em torno de corregozinhos, riachos, onde crescem os buritis. O grande sertão de Guimarães Rosa é feito de campos gerais entrecortados por inúmeras veredas, sejam elas geográficas ou existenciais. Ali, não só a natureza pode ser seca ou úmida, como a vida pode tomar diversos rumos, inclusive o da salvação ou o da perdição.

Durante muitos anos, pela riqueza formal de sua obra, Guimarães Rosa foi considerado “inadaptável” para o cinema. No entanto, seria ingênuo supor que tais obstáculos não seriam o próprio estímulo, e não tardaram a aparecer os primeiros filmes adaptados de seus textos. Cada cineasta seguiu sua própria vereda, privilegiando um ou outro aspecto de tantos possíveis – a trama, o texto, a fala, os personagens, os cenários. Não é de estranhar, portanto, que alguns filmes optassem, deliberadamente, em serem, também, constituídos desse emaranhado de possibilidades, entrecruzando contos e referências.

Hoje, como os rios de Guimarães Rosa já chegaram ao mar, é impossível mensurar a influência de sua obra. Assim, seria limitador exibir apenas os filmes de ficção, adaptações literárias. Por isso, compuseram a mostra, também, documentários feitos a partir de seu universo, incluindo três curtas sobre o personagente Manuelzão. E, se alguns outros filmes não estão referenciados diretamente em sua obra, tampouco poderíamos nos furtar a exibi-los, uma vez que é certo que cruzaram ou percorreram algumas de suas veredas, já que o cinema, como o sertão, é do tamanho do mundo.

CAIXA Cultural, RJ, 2008

Website
Curadoria Eduardo Ades
Produção executiva Matheus Carvalho Ramalho
Coordenação de produção Gisella Cardoso
Produção assistente Bianca Zanoni
Ingrid Lemos
Assessoria de comunicação Andréa Cals
Design visual Thiago Lacaz
Revisão de textos Rachel Ades
Revisão de cópias Cristina Mendonça

 

Empresa produtora Imagem-Tempo
Patrocínio Caixa Econômica Federal